quinta-feira, 21 de março de 2013

Resenha: O Preço da Vitória - Harlan Coben Ed. Arqueiro


"Você imagina Chad simulando o próprio sequestro?
- Não. Mas quem consegue imaginar o filho de alguém fazendo isso? Estou tentando ser objetivo, por mais que seja difícil. Se eu acho que meu filho pode fazer alguma coisa desse tipo? Claro que não. Mas, insisto, eu não seria o primeiro pai a se enganar sobre o filho...Será que estou enganado?" p.38
Eu adoro os livros do Harlan Coben! E quanto mais eu os leio, mais me apaixono por esse mente criativa, cheia de suspense, boas idéias e humor!
"O Preço da Vitória" é mais um exemplo de como Harlan se supera a cada livro!
Quando você pensa que está chegando na solução, ele vira tudo e faz com que a estória se encaixe tão perfeitamente no enredo, nenhuma peça desse quebra cabeça fica faltando.

Esse é mais um livro da série Myron Bolitar, mas como sempre digo, quem nunca leu nenhum ou quem já leu todos, não importa, vai entender a estória da mesma forma, porque de uma forma super cuidadosa Coben sempre acaba explicando quem é quem.

Myron é um ex jogador de basquete, que após uma contusão se vê afastado das quadras. Estuda Direito em Havard, onde conhece seu amigo Win que é um milionário-justiceiro. Bolitar hoje com 30 e poucos anos, tem a MB Representações Esportivas, e sua fiel escudeira é Esperanza uma ex lutadora.
Em "O Preço da Vitória", Myron esta no Aberto de Golfe dos Estados Unidos para tentar conquistar novos clientes, claro que acompanhado do amigo Win. Porem ele é procurado pelo pai da golfista número 1 do mundo, Linda Coldren, pois seu filho Chad está sumido há dois dias.
Jack, pai do garoto, depois de 23 anos de uma carreira medíocre no golf vê a oportunidade de voltar ao centro das atenções, e não deixará que nada o atrapalhe, nem mesmo o possível sequestro de seu único filho.
Ao saber do drama, Myron contata seu amigo de todas as horas: Win que enfaticamente diz que não poderá ajuda-lo, pois Linda é sua prima-irmã, e por problemas no passado, Windsor não quer aproximação com ninguém da família.
Myron Bolitar estará sozinho nessa jornada de mistério, suspense, traições e muito humor.

A leitura é fácil, dinâmica, você lê rapidinho as 256 páginas por que não consegue largar o livro, querendo saber o final! É demais!

Recomendo!

Informações:











Outros livros do Harlan Coben: